domingo, 30 de junho de 2013

Festa na prisão

Essa saudade é assim, essa perda de contato com a sublimação do querer, que fez morada dentro da alma. Sem querer nem ela nem eu, se perdeu.
É uma perda eterna, singela na sua compreensão.
Corre na cinza das horas, latente em suas lágrimas e chega sem dar compensação, nem no tempo, nem na eternidade.
Fizeram festa na prisão, mas sozinha, ela adoeceu.

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Potência... How many times can we say goodbye ?


...
"Here we are so close to the end now
Still holding on and trying to pretend now
Clinging to love we both know is dying
We've tried and tried to find the solution
But darling
All our dreams have been played out
Still we go on hopelessly trying

How many times can we say good-bye ?
How many times can we see love die ?
How many times can we give it one more try ?
Before we really say good-bye
Good-bye

We're so in love but wrong for each other
Each hurt that heals brings on another
Both of us abusing
Both of us using
Darling
It's time to stop pretending
There's just no way to rewrite our ending
We're caught in this game
And we both know we're losing, but

How many times can we breakup and makeup ?
Both of our hearts refusing to wake up
Just can't go on and on
Living a lie
Though i'll always love you..."

How many times can we say good-bye ?
(dionne warwick)

terça-feira, 25 de junho de 2013

recrearse...

Saberse negra es vivir la experiencia de haber sido masacrada en su identidad, confundida en sus expectativas, sometida a exigencias, compelida a expectativas alienadas. Pero es también, y sobre todo, la experiencia a comprometerse a rescatar su historia y recrearse en sus potencialidades” 
(Santos Souza: 83: 18)



Feelings,
Nothing more than feelings,
Trying to forget my
Feelings of love.
Teardrops
Rolling down on my face,
Trying to forget my
Feelings of love.
Feelings,
For all my life I'll feel it.
I wish I've never met you,
You'll never come again.
Feelings,
Wo-o-o feelings,
Wo-o-o, feel you again in my arms.
Feelings,
Feelings like I've never lost you
And feelings like I'll never have you
Again in my heart.
Feelings,
For all my life I'll feel it.
I wish I've never met you, girl;
You'll never come again.
Feelings,
Feelings like I've never lost you
And feelings like I'll never have you
Again in my life.
Feelings,
Wo-o-o feelings,
Wo-o-o, feelings again in my arms.
Feelings...

quinta-feira, 20 de junho de 2013

sábado, 15 de junho de 2013

até quando mais
jamais eu puder criar
empresto alguns versos seus
para a triste voz circunda de dor e mágoa
por vez não se calar
diante de tanta tristeza e silêncio
na imensidão desse tão meu [a]mar

essa voz silenciará um dia
eu sei
choro a dor desse tempo chegar
e eu, que tanto fiz para sentir
sentirei a leveza daquele que amei
e
fui amada por seu breve encanto
dentre tantas... um leve brincar


"Sem querer te perdi tentando te encontrar
por te amar demais sofri, amor
me senti traído e traidor
fui cruel sem saber que entre o bem e o mal
Deus criou um laço forte, um nó
e quem viverá um lado só?
a paixão veio assim afluente sem fim
rio que não deságua
aprendi com a dor nada mais é o amor
que o encontro das águas
esse amor
hoje vai pra nunca mais voltar
como faz o velho pescador quando sabe que é a vez do mar
qual de nós
foi buscar o que já viu partir, quis gritar, mas segurou a voz,
quis chorar, mas conseguiu sorrir?
quem eu sou?
pra querer
entender
Amor"
(jorge vercillo)f

quinta-feira, 6 de junho de 2013


Ruas, becos, sons e alguma luz.
Ilustres, quietos em desespero, retalhos da
Lua.
Ypslons reticentes, intermináveis...
Fincados, entorpecidos. Dormentes na alma. 

Um viver arqueo[lógico] das palavras, das imagens e dos sentidos.

sábado, 1 de junho de 2013

na parede da memória...


"embora minha história seja raramente contada
eu despedacei minha resistência
em troca de um bolso cheio de resmungos feito promessas
tudo mentiras e chacota
ainda assim, um homem ouve o que quer ouvir
e descarta o resto..."

“olá escuridão, minha velha amiga
vim conversar com você de novo
porque uma visão um pouco arrepiante
deixou sementes enquanto eu dormia
e a visão que foi plantada em meu cérebro
ainda permanece dentro do som do silêncio...”
simon & garfunkel

“ele perdeu a cabeça?
ele pode ver ou ele é cego?
ele pode caminhar mesmo?
ou se ele se mover, ele cairá?...”
ozzy

“eu corri, eu rastejei
eu escalei os muros da cidade
estes muros da cidade
só para estar com você
mas eu ainda não encontrei
o que estou procurando...”
u2

john forgety, buddy guy, metallica...